sexta-feira, 10 de agosto de 2012

''The Devil Inside'' - Horror Barato


Hoje eu fiquei extremamente decepcionada. Desde o ano passado que eu estava na expectativa de assistir ''The Devil Inside'' (ou ''Filha do Mal'' no jeitinho brasileiro). Como eu já disse aqui no blog, eu gosto de filmes de terror e depois de ter assistido o trailer desse, mal podia esperar para ver. Basicamente, o filme conta a história (dita como baseada em acontecimentos reais) de Isabela Rossi, cuja mãe Maria Rossi matara três pessoas no final dos anos 80 quando ela tinha apenas 8 anos. O homicídio triplo acontecera durante um exorcismo que estava sendo executado na própria Maria. Duas décadas depois, Isabela vai a procura da mãe que está internada em um hospital psiquiátrico em Roma e tenta investigar o que realmente se passou. Com a ajuda de dois jovens exorcistas italianos ela tenta livrar Maria de nada mais nada menos que quatro demônios que habitavam o corpo dela.

Pois bem. A história parece ser bem digna de um filme de exorcismo, não é? O trailer de ''The Devil Inside'' é totalmente bem feito e misterioso e tem a capacidade de deixar qualquer um maluco para ver o filme. E depois de ver, é impossível não ficar decepcionado. Começando pela frase ''slogan'' na capa: ''O filme que o Vaticano não quer que você veja.'' É de se imaginar que a história revele algum segredo, mas a realidade é que ela não mostra nada que outras histórias já não tenham mostrado. Primeiramente, o filme é todo em forma de documentário, o que na minha opinião já estraga tudo. A câmera dá a impressão de algo mais ''caseiro'', como em Atividade Paranormal (aliás, acho que agora virou moda fazer filmes desse tipo, né?). O longa-metragem tem uma duração de aproximadamente 83 minutos e apenas DUAS cenas inteiras de exorcismo, que duram no máximo 10 minutos. As outras partes são entediantes e não chamam a atenção de quem está olhando. Depois, quando o filme começa a ficar interessante e você acha que algo vai valer a pena, puf: ele simplesmente acaba!

Eu cheguei a conclusão que ''The Devil Inside'' foi apenas uma obra cinematográfica barata para arrancar dinheiro das pessoas e iludir todos aqueles que gostam de um bom filme de terror (e realmente funcionou, porque ele superou até Missão Impossível 4 financeiramente) . O trailer foi um meio muito eficiente de fazer as pessoas se deslocarem até o cinema mais próximo e comprar um bilhete para um dos piores filmes da história. Se você ainda não assistiu e está pensando em assistir, aqui vai o meu conselho: se você não gosta de decepções, por favor, não assista. E se você gosta, mesmo assim, também não assista. Eu realmente não recomendo ''Filha do Mal''. É o típico filme que começa do nada e termina em lugar nenhum. E mesmo que tenha uma continuação, não me darei o trabalho de assistir.

3 comentários:

Shou disse...

Eu vi o filme também e fiquei bem triste. Tipo com "Poder sem limites" (Chronicle pra quem prefere legendado como nós) ou Cloverfield, que são uma bosta por causa do tipo de filmagem estilo bruxa de blair. Acho que a galera queria economizar com equipe de filmagem e etc, sei lá...
Eu realmente adoro filmes nesse estilo terror com monstros grotescos -like Cloverfield- ou essas coisas como demônios, anjos etc. Acho digno, mas a filmagem estraga e bom... no caso de The Devil Inside a única coisa que presta é o trailer mesmo.
Outra dica de filme tosco assim é A Vila, apesar da filmagem não ser assim é tão tosco que aparece o microfone umas mil vezes.

Quedelhe os filmes de terror bons?

Nathalia Paim disse...

Eu sou fã de filmes do gênero, assisti "A Filha do Mal" no cinema e gostei. Se a pessoa procura por um filme somente para ficar "assustado" esse realmente não é o filme certo. Mas achei válido mostrarem o exorcismo além do próprio ato, por exemplo como acontece o "diagnóstico", a diferença entre uma doença mental ou algum tipo de disturbio e a possessão demoniaca."O Exorcismo de Emily Rose" meio que mostrou isso. Além de falar sobre a possessão múltipla. O final é um pouco inesperado e não ocorre um desfecho para a história mas achei interessante. De um ponto de vista crítico, realmente não é um grande filme, não faz jus ao grande público que foi até os cinemas para assistir. Mas não deixa de ser um filme para se assistir, eu recomendaria.

Fernanda disse...

Ultimamente não tenho pego filmes de terror exatamente por isso. Me decepcionei demais com os últimos que vi e sinceramente não sei se "acabou" a criatividade dos criadores ou se é só uma má fase para os filmes dessa categoria. Um antigão que eu achei divino é Hipnose, recomendo.